"Nove e nove? Eu: dezenove... Eu só sabia rimar... Matemática de poeta: quem erra depois acerta, quem acerta pode errar"
Meu Bê-a-bá
(Luiz Fidelis)
prosas e poesias

Maravilhosos Versos de Joo Paraibano
Sobre o tema da estiagem sertaneja, Joo Paraibano disse:

Vi o fantasma da seca
Ser transportado numa rede
Vi o aude secando
Com trs raches na parede
E as abelhas no velrio
Da flor que morreu de sede.



© Copyrigth 2009
Santanna O Cantador
Contato para shows:
(81) 99986 1783
Desenvolvimento:
SER Digital