"Eu nunca mais vou ser triste. Desse tempo eu já passei. O verbo se não existe"
O Verbo 'Se'
(Accioly Neto e Santanna)
letras
Cano da F
(Janduhy Finizola)


Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro eu sou romeiro do serto
Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro a minha grande devoo

De p no cho, de caminho, l vai a f.
Todo caminho s caminho pra quem tem f
Que terra seca, que vida seca
No perca a f, Joo.
Que Padim Cio levou sumio
Mas no morreu irmo

No tempo Deus, no homem Deus, o mundo Deus.
A f em tudo meu escudo at o adeus
Caminha o crente sempre pra frente
Atrs da salvao
Pensando nisso, que Padim Cio.
Nunca morreu, irmo.

L vai Joo, uma gerao, uma opinio.
De quem peleja e tanto almeja uma soluo
O sinal da cruz, a orao:
As armas do cristo
Que sabe disso que Padim Cio
Nunca morreu, irmo.

Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro eu sou romeiro do serto
Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro a minha grande devoo


© Copyrigth 2009
Santanna O Cantador
Contato para shows:
(81) 99986 1783
Desenvolvimento:
SER Digital