"Eu nunca mais vou ser triste. Desse tempo eu já passei. O verbo se não existe"
O Verbo 'Se'
(Accioly Neto e Santanna)
letras
Saudade de Marcolino/ Poema Incidental: Poeta Z Marcolino
(Galvo Filho/ Gilmar Leite)


De saudade
Canta o vem-vem
Dos galhos da flor do cumaru
Saudade de te ver
Nas noites de So Joo
Do Cariri ao Paje

Marcolino
Poeta cantador
A cacimba secou de tanto pranto
O caro no escuta o teu canto
Sabi padeceu de tanta dor
O cime da lua se acabou
Hoje vives morando perto dela
Desenhando teu canto numa tela
Seduzindo-a com tua serenata
Despertando seu riso cor de prata
Num desenho de linda aquarela

Serrote agudo
Hoje est tristonho
No por falta das grandes vaquejadas
Mas por falta das notas delicadas
Dos acordes mostrando a lenda em sonhos
S os vates de cima esto risonhos
O teu canto a saudade imprudente
Que machuca o serto que h na gente
Como um pranto na mgoa de um vaqueiro
Que tristonho num banco do terreiro
Faz aboios saudosos e dolentes.

Poema Incidental:
Poeta Z Marcolino (Onildo Barbosa)

Eu te enxergo qual um astro
Te consumo como um hino
Tu s a voz do agreste
Meu cantador nordestino
Flor do campo, ventania
Meu favo de poesia
Poeta Z Marcolino

fotos com fãs
Envie sua foto com Santanna Veja as fotos de Santanna com seus fãs
letras
Vontade de passar na tua porta
Vontade de bater no teu porto
Vontade de pedir um copo dgua
E assim poder tocar na tua mo
E assim poder falar do meu amor...
discografia
Forr Popular Brasileiro - DVD
Forr Popular Brasileiro - DVD (2006)

Este trabalho pode ser encontrado no website da Atração: www.atracao.com.br

© Copyrigth 2009
Santanna O Cantador
Contato para shows:
(81) 99986 1783
Desenvolvimento:
SER Digital