"Cada um de nós compõe a sua história e cada ser em si carrega o dom de ser capaz"
Tocando Em Frente
(Almir Sater e Renato Teixeira)
letras
Cano da Floresta/ Poema Incidental (Fragmentos): O Que Poderemos Ver?
(Sebastio Dias)


Tombam arvores, morrem ndios!
Queimam matas ningum v
Que o futuro est pedindo
Uma sombra e no vai ter
Pense em Deus alerte o mundo
Pra floresta no morrer
Devastao um monstro
Que a natureza atropela
Essas manchas de queimadas
Que hoje vemos sobre ela
So feridas que os homens
Fizeram no corpo dela

Use as mos, mude uma planta
Regue o cho, faa um pomar
Oua a voz do passarinho
A floresta quer chorar
A natureza est pedindo
Pra ningum lhe assassinar

Quando os cedros vo tombando
Do at a impresso
Que os estalos so gemidos
Implorando compaixo
s mos do homem malvado
Que os matou sem preciso
Mas quando Deus sentir falta
Do pau que j foi cortado
O homem talvez procure
Botar culpa no machado
A Deus vai perguntar
E por quem foi ele amolado

Fauna e flora valem mais
Que o valor que o ouro tem
A natureza selvagem
Mas no ofende a ningum
Ela a me dos seres vivos
Precisa viver tambm
Ouam os ndios limpem os rios
Faam a Deus esse favor
Floresta palco de ave
Museu de sombra e de flor
Vamos cuidar com carinho
Do que Deus fez com amor.

Poema Incidental (Fragmentos):
O Que Poderemos Ver? (Maximiamo Campos)

Aprendo com o dia que morre nas tardes,
O saber que nada existe que no finde ou acabe.
Os frutos verdes e rubros quando apodrecem so
A prpria Natureza ensinando humildade.

fotos com fãs
Envie sua foto com Santanna Veja as fotos de Santanna com seus fãs
letras
Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro eu sou romeiro do serto
Meu Padim Cio do Juazeiro
To milagreiro a minha grande devoo

De p no cho, de cami...
discografia
XOTEAMAR
XOTEAMAR (2012)

Este trabalho pode ser encontrado no website Forró Iluminado: www.forroiluminado.com.br

© Copyrigth 2009
Santanna O Cantador
Contato para shows:
(81) 99986 1783
Desenvolvimento:
SER Digital