"Nove e nove? Eu: dezenove... Eu só sabia rimar... Matemática de poeta: quem erra depois acerta, quem acerta pode errar"
Meu Bê-a-bá
(Luiz Fidelis)
letras
Numa Sala de Reboco
(Z Marcolino/ Luiz Gonzaga)


Todo o tempo quanto houver pra mim pouco
Pra danar com meu benzinho numa sala de reboco

Todo o tempo quanto houver pra mim pouco
Pra danar com meu benzinho numa sala de reboco

Enquanto o fole t fungando, t gemendo
Vou danando e vou dizendo
O meu sofrer pra ela s
E ningum nota que eu tou lhe conversando
E nosso amor vai aumentando
Pra que coisa mais mior

Todo o tempo quanto houver pra mim pouco
Pra danar com meu benzinho numa sala de reboco

Todo o tempo quanto houver pra mim pouco
Pra danar com meu benzinho numa sala de reboco

S fico triste quando o dia amanhece
Ai meu Deus se eu pudesse
Acabar separao
Pra ns viver igualado a sanguessuga
E nosso amor pede mais fuga
Do que essa que nos do.

fotos com fãs
Envie sua foto com Santanna Veja as fotos de Santanna com seus fãs
letras
Ela era miudinha
Botei seu nome tamborete de forr
Mas quando ela me deu uma olhada
Senti logo uma flechada
Meu corao foi logo dando um n

Ela danando...
discografia
Forr de Bem Querer
Forr de Bem Querer (2004)

Este trabalho pode ser encontrado no website da Atração: www.atracao.com.br

© Copyrigth 2009
Santanna O Cantador
Contato para shows:
(81) 99986 1783
Desenvolvimento:
SER Digital